Terça, 10 Abril 2018 07:20

Principais características que tornaram a linha G3 Full da TGM referência no mercado sucroenergético

Principais características que tornaram a linha G3 Full  da TGM referência no mercado sucroenergético Principais características que tornaram a linha G3 Full da TGM referência no mercado sucroenergético Grupo TGM

Aplicação correta
Grande parte da atual demanda por redutores vêm de unidades já existentes, assim, é indispensável que sua instalação ocorra conforme a necessidade do processo, inclusive, com a utilização da estrutura existente. Entretanto, para permitir toda essa versatilidade é necessário que o equipamento possua rigidez para se adaptar as diversas condições de instalação sem comprometer os componentes internos, o que comprova o sucesso em campo dos planetários TGM. “Um equipamento bem aplicado é aquele que atende aos parâmetros reais da operação atingindo os resultados esperados”, comenta o engenheiro de aplicação da TGM Cláudio Silva.

Confiabilidade e Segurança
Tecnologia indispensável para o monitoramento das condições de operação e proteção dos redutores e que está em uso há mais de cinco anos em várias plantas, a linha Protetork e Monitork, vêm pioneiramente como uma das ferramentas mais importantes para a redução dos custos de manutenção. A possibilidade do usuário verificar, em tempo real, no local ou remotamente, todas as variáveis operacionais dos equipamentos (temperatura, pressão, torque, entre outros), bem com inserir ferramentas de manutenção preditiva (análises de óleo e vibração) são características que afirmam a eficiência e credibilidade da tecnologia embarcada no G3 Full.

Disponibilidade Operacional
Alto torque e vida prolongada são as premissas básicas dos projetos dos planetários TGM. Isso resultou em engrenagens anéis produzidas a partir de forjados integrais e com dentes nitretados em toda a linha de redutores.
Um projeto robusto e a alta dureza da camada, aliada a precisão das máquinas de usinagem, um tratamento térmico dentro das especificações e o rígido controle de qualidade, garantem a durabilidade já comprovada em campo.
“Investir em tecnologias de produção é uma incessante tarefa na TGM”, comenta o coordenador de engenharia de produtos, Aristides Rodrigues Mattar Junior.

Eficiência Energética
Concebido com materiais de altíssima resistência e rigorosos processos de fabricação, o redutor planetário TGM é uma máquina robusta.
Com alta transmissão de torque e baixa inércia, proporciona a máxima eficiência mecânica do equipamento, apresentando, comprovadamente, os melhores resultados para o aproveitamento da energia gerada.
Para as usinas e destilarias que buscam maior eficiência, ampliação de sua geração e cogeração de energia e a modernização do processo de moagem, a aplicação de equipamento de alto rendimento, como a linha G3 Full da TGM, é melhor opção para moendas e difusores que os redutores de eixos paralelos e planetários convencionais, pois possui características superiores.

Manutenção
A junção entre a robustez dos redutores planetários TGM e o conhecimento de mais de uma década fabricando e instalando redutores para acionamentos de moendas e difusores, originou a linha G3 Full: um produto sem precedentes.
“Por ser projetado para 10 safras sem manutenção, o G3 Full é a melhor opção para aquelas plantas que precisam de um trabalho contínuo, pois eles se adaptam a qualquer estilo de moagem”, fala o gerente de campo da TGM, Paulo Campos.
Gerações anteriores dos planetários TGM podem receber um upgrade para a versão Full, com a modernização de componentes e a utilização de rolamentos com vida superior, resultando na redução dos custos de manutenção para os clientes.

Retorno do Investimento
São muitas as vantagens da linha G3 Full: maior eficiência mecânica, preparado para ciclo de 10 safras sem manutenção, maior durabilidade do conjunto rotativo, sistema eletrônico de proteção, lubrificação individualizada por estágio, entre outras.
Com isso, o G3 Full naturalmente ocupou a maioria das instalações por carregar vantagens frente a outros tipos de acionamentos como, por exemplo, os de eixos paralelos e os planetários convencionais, menos eficientes. “Temos uma equipe de especialistas de engenharia, fabricação e instalação que resulta em investimentos seguros para os clientes ao instalarem uma linha moderna preparada para os desafios da moagem”, conta o gerente da Unidade de Negócios Transmissões, Alexandre Azzine.
 

  • TGM apresenta na Expobiomassa e CIBIO a MCT - Turbina ideal para Pequenas Centrais Termelétricas +

    A feira Expo Biomassa e o congresso Cibio acontecerão nos dia 04, 05 e 06 de setembro em Curitiba-PR. Nesse evento, além de apresentar a Saiba Mais
  • TGM participa desde a primeira edição da Fenasucro +

    Desde 1991, a TGM se tornou referência em serviços e novas tecnologias para geração de energia renovável e acionamentos, contribuindo desde então com o setor sucroenergético Saiba Mais
  • Geração de energia a partir da casca do arroz movimenta região central do Rio Grande do Sul +

    Parceria com cooperativas ajudará mais de 6 mil famílias. TGM contribui com equipamentos eficientes para que o projeto tenha produção contínua e permanente   O Saiba Mais
  • TGM realiza serviços rápidos e eficientes durante a Safra +

    Para uma boa safra é necessário que as plantas operem sem que nada interfira na sua rentabilidade, e tudo isso começa após uma entressafra bem-feita.  Saiba Mais
  • Alta performance é comprovada por equipamentos TGM ao redor do mundo +

    TGM realiza testes de performance em turbinas a vapor ao redor do mundo   Encontrar soluções que unam tecnologia, know-how e experiência operacional são as Saiba Mais
  • Principais características que tornaram a linha G3 Full da TGM referência no mercado sucroenergético +

    Aplicação correta Grande parte da atual demanda por redutores vêm de unidades já existentes, assim, é indispensável que sua instalação ocorra conforme a necessidade do Saiba Mais
  • Maior planetário do setor sucroenergético mundial entra em operação +

    Tecnologia planetária TGM movimenta o setor     Quarto maior produtor de cana-de-açúcar no Brasil, o Mato Grosso do Sul vem subindo no ranking nos Saiba Mais
  • Equipamentos tecnológicos e robustos substituem volandeiras pelo mundo +

    Com o tempo, o processo de moagem de cana-de-açúcar tem deixado de ser considerado bruto de esmagamento para ser um refinado e controlado processo de Saiba Mais
  • TGM divulga sorteados cadastrados durante a Fenasucro +

    Duas indústrias brasileiras e uma argentina são as contempladas Para que as indústrias tenham processos eficientes é necessário investir em uma manutenção ágil e segura. Saiba Mais
  • TGM participa da Lignum 2017 +

    Com o objetivo de fortalecer ainda mais sua presença no mercado madeireiro, a TGM participa da 2° feira de transformação, beneficiamento, preservação, uso da energia, Saiba Mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10